Contando as Bençãos


Que igreja eu sou?

Ouça o que o Espírito diz às igrejas”
 
Apocalipse 2.11

Perseguição e consolo
O livro de Apocalipse é o mais enigmático da Bíblia, pois trabalha com muitos símbolos que abrem margem para muitas interpretações. No entanto, algumas dessas linhas de pensamento apontam que o livro da Revelação foi escrito e compreendido por muitos cristãos da época, ainda que haja profecias e palavras que ainda serão realizadas. E o objetivo desses escritos era trazer consolo e ânimo para todos os que estavam sendo perseguidos duramente no Império Romano. A declaração de um novo céu e uma nova terra veio como uma luva para aqueles que não estavam experimentando a justiça por parte dos homens em razão da sua fé. Nesse estudo, abordaremos a situação das igrejas descritas nos capítulos 2 e 3.

Retorne ao primeiro amor
Uma das primeiras menções da Bíblia sobre Éfeso foi uma estadia breve de Paulo, relatada em Atos 18.1921. O apóstolo dos gentios chegou naquele lugar, pregou na sinagoga e não pôde continuar. Adiante, lemos que Apolo chegou posteriormente e também proclamou o evangelho, sendo discipulado por Priscila e Áquila (Atos 18.24-28). O capítulo 19 relata que Paulo retorna e inicia um ministério longo para os padrões paulinos, permanecendo ali por dois anos (19.10). Os registros da obra do Espírito naquele lugar são bem intensos: prodígios (v.11); libertações (v.12), rejeição às artes mágicas (v.19), crescimento e prevalência da palavra do Senhor (v.21). O livro de Apocalipse mostra, de fato, que aquela igreja não deixou ensinos errados entrarem, mas permitiu que o amor fosse sufocado (Apocalipse 2.4-6). Temos sondado, frequentemente, o nosso coração? Temos analisado o nosso amor e prazer pelo Senhor?

Não se mundanizar
Outra igreja citada é a de Pérgamo. Não há o relato da sua plantação na Bíblia, no entanto, pelos registros históricos, podemos verificar alguns fatos sobre a cidade: era a mais famosa da Ásia; era culturalmente mais importante do que Éfeso e Esmirna, chegando a ter mais de 200.000 pergaminhos (inclusive o nome “pergaminho” é em razão desse papel ter se originado naquele local); tinha uma preponderância religiosa muito grande também, tendo em vista que possuía um grande panteão com muitos deuses. Esses elementos nos fazem compreender o motivo pelo qual é indicado que lá ficava o trono de Satanás (2.13), ou seja, o sistema de valores era terrivelmente mundano e, pelo visto, muitos princípios entravam na igreja (2.14-16). Que tipos de princípios do mundo penetram em nossas vidas? O que está nos influenciando, a Bíblia ou o desejo por coisas desse mundo?

Aprenda a depender de Deus
A última igreja que falaremos é a Laodiceia. A exemplo da anterior, não há menção na Bíblia sobre o seu início. Sabemos que nas vizinhanças havia uma fonte de águas termais (por isso a figura de água quente era bem conhecida de seus cidadãos) e que também era uma região com muitas pessoas ricas a tal ponto de serem comparavelmente milionárias, pensando em termos atuais. Alguns estudiosos relatam que os habitantes se negaram a receber dinheiro do Governo, quando certa vez foram afetados por uma tragédia. Sendo assim, podemos entender que o contexto social e econômico atingia diretamente aquela comunidade, assim, a partir dos elementos demonstrados e pelo relato de Apocalipse não é difícil chegar à conclusão do maior pecado daqueles crentes: orgulho e autossuficiência (Apocalipse 3.17). Por isso não eram mornos nem frios (Apocalipse 3.15-16). Será que nossas conquistas pessoais e sonhos de realização nos afastam de Deus? Focamos mais naquilo que podemos adquirir com bens ou naquilo que o Senhor pode nos dar?

Pare, pense e ouça o Espírito
No final de cada mensagem às igrejas é registrada a exortação: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça o que o Espírito diz às igrejas”. Por isso é necessário que aprendamos a ouvir a voz do Espírito Santo. Jesus nos mostra que Ele nos ensina e nos lembra tudo o que foi dito pelo Mestre (João 14.26). Ou seja, podemos acessar aos seus mistérios e pedir para nos sondar com o objetivo de buscar mudança e transformação. Devemos orar a todo momento e, principalmente, quando nos sentirmos tentados e desanimados pelos ataques sutis e diretos do mundo em que vivemos. O segredo para não cair como as igrejas acima, é não calar a mensagem do “Ruah” em nossos corações.
 
(Material de estudo semanal de células da PIBCOPA. Se você quer aprofundar o seu relacionamento com Deus participando de uma célula, ou abrindo as portas de sua casa para uma célula, fale com os nossos pastores, ou com os líderes de célula. Eles dispõem de todas as informações necessárias para orientar você)

Participe dos cultos da PIBCOPA. Neste domingo pela manhã, nos cultos de 9:00 horas e 11:00 horas, a mensagem do Pastor Vitor Valente terá como tema “Lidando com Crises e Aflições”, inspirada no texto de Jó 2.7-10. “Muitas vezes, apesar de sermos servos fiéis do Senhor, de repente, perdemos um ente querido, perdemos o emprego, perdemos nossos recursos e bens, e às vezes, até mesmo a saúde. Talvez você que aqui se encontra nesta oportunidade, esteja enfrentando algum tipo de perda, e esteja vivendo uma crise e aflição em sua vida como aconteceu com Jó. O que fazer quando o infortúnio bate à nossa porta? O que fazer quando a crise se abate sobre nós e nossa família? O que fazer quando uma tragédia nos atinge?”. Participe! Nas manhãs de domingo os cultos são ministrados às 9:00 e às 11:00 horas. A mensagem gravada também estará disponível na internet, logo após a transmissão ao vivo do segundo culto, no CANAL PIBCOPA, YouTube.

No culto da noite de domingo, às 18:30 horas, a mensagem será ministrada pelo Pastor Vitor Valente, tendo como tema “Cristãos sem Intimidade com Cristo”, inspirada no texto de Lucas 10.38-42. “Muitas pessoas são convertidas a Jesus, frequentam a igreja, participam de alguma atividade ou até mesmo de uma célula, são dizimistas fiéis, mas... não têm tempo e não têm intimidade com Jesus. O texto acima nos mostra algumas razões que impediram Marta, e podem estar impedindo você, de ter uma verdadeira intimidade com Jesus. É sobre essas razões que desejo lhes falar nesta oportunidade...”. Participe! A adoração na noite de domingo começa às 18:30 horas e a mensagem gravada estará disponível no CANAL PIBCOPA no YouTube, logo após a transmissão ao vivo na internet.

Matricule-se na Escola Bíblica Dominical. São várias classes de Estudo Bíblico realizadas aos domingos em dois horários: às 9:00 e às 11:00 horas, com aulas ministradas no ambiente ideal para você aprofundar os conhecimentos da Palavra de Deus. Há turmas para crianças, júniores, jovens, casais e adultos. Procure a “sua” classe e torne-se um aluno assíduo da Escola Bíblica Dominical da PIBCOPA.

Quartas de Intercessão e a Palavra da Verdade é o nosso culto das quartas-feiras. Além de in­terceder uns pelos outros e compartilhar­ nossas experiências do poder e do mover de Deus, também estudamos a Palavra do SENHOR. Venha com­partilhar suas experiências, conhecer mais a Palavra do Deus Vivo e amadurecer na fé. Participe da reunião. A adoração começa às 19:30 horas.

A vida cristã requer o aprendizado bíblico e a PIBCOPA, no coração de Copacabana é o lugar perfeito para você, e todos de sua casa, aprenderem a aplicar a Bíblia na prática. As inscrições para os próximos cursos já estão abertas. Veja os temas dos cursos que vão fazer você avançar espiritualmente: Mulher Única, Homem ao Máximo, Crown (finanças), Educando Filhos à Maneira de Deus e Como Alcançar o Coração de Filhos Adolescentes. Para matrículas, informe-se aos domingos no balcão da PIBCOPA, ou fale com a Secretaria da Igreja.

A PIBCOPA tem células funcionando em vários bairros da cidade, todos os dias da semana. Há células formadas por adultos de todas as idades, com casais, grupos de homens, mulheres, adolescentes e até células exclusivas com crianças. Você poderá participar de uma célula e ser ricamente abençoado. A sua casa também poderá ser anfitriã de uma célula da nossa Igreja. Ao final dos cultos procure pelos líderes de células ou por nossos pastores para obter mais informações.

“Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela”. Salmo 127:1